sábado, 10 de outubro de 2009

Desvirginando o blog...

Olá, Caros Leitores!

Como primeiro post deste blog voltado para a Arte e, especificamente, para a Literatura, escolhi fazer um levantamento de sites que tem como função reunir escritores – neófitos ou consagrados – publicando seus textos na rede. É fato que a Era Digital proporcionou uma facilidade na produção e divulgação de trabalhos artísticos (e às vezes, nem tão artísticos assim); qualquer um pode fazer sua música, seu vídeo, seu poema ou e-book e jogar na internet. Aí é só esperar os acessos ou fazer seu próprio marketing.
No entanto, como receptores CRÍTICOS das informações que nos são mostradas, devemos analisar aquilo que chega até nós, e não absorver tudo como maravilhas e verdades absolutas. Assim, nestes sites, você encontrará ótimos escritores (Oba!), escritores medíocres ou não-escritores. Vamos a eles:

EuAutor: ( http://euautor.com.br ) Uma espécie de Orkut, onde você pode postar seus textos e classificá-los de acordo com o assunto e a forma. Outros tipos de arte, como desenhos, também podem ser compartilhados. Os textos podem ser formatados de acordo com o desejo do autor e aparecem na página inicial por ordem de postagem. Ótimo, apesar do design um pouco arcaico.

Recanto das Letras: (http://recantodasletras.uol.com.br) Uma gracinha. Além das classificações que aparecem no EuAutor e dos textos na página inicial por ordem de postagem, oferece um espaço, a Escrivaninha, onde cada autor gerencia sua conta, suas publicações, mensagens e comentários. Também há um espaço para áudios, onde o autor pode postar a récita de suas criações. Tem um link para a Rádio Poética e um espaço chamado Vitrine, onde você pode fazer a propaganda de seu livro publicado. Se você fizer a Assinatura Premium, pode usufruir de adicionais, e com a assinatura Site do Escritor Você pode usar todos os recursos e fazer seu próprio site, com fotos, blog e as porras todas. Um luxo.

Projeto Releituras – Novos Escritores: (http://www.releituras.com/novosescritores.asp) Para estar aqui, você tem que ultrapassar alguns bloqueios. Você tem que enviar, no máximo, dois textos para releituras@ism.com.br, de 120 linhas cada um (no máximo, também). Os textos são submetidos a um grupo de leitores e, se selecionados, serão publicados, passando a fazer parte desta página. O autor cujo texto for selecionado será imediatamente informado via e-mail e terá a honra de ter sua obra publicada no Releituras – Novos Escritores. O problema são os vários interessados, o que torna a escolha deveras demorada. Até hoje não me responderam. Ou por falta de tempo, ou por falta de talento (meu).

Usina de Letras: (http://www.usinadeletras.com.br) Mesmo esquema. Cadastre-se e ganhe uma página gratuita. Ainda tem um adicional: se algum mecenas estiver lendo o site e gostar de seus textos, acessa a opção Patrocine um Autor ou Texto, e sua obra aparecerá no Quadro de Patrocinados, na página inicial da Usina de Letras, sendo, logicamente, mais acessado pelos leitores. Isso por um preço (simbólico) de R$ 40,00. Capitalismo selvagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quebre o silêncio!